Rosalba e José Agripino | ainda juntos na Sinal Fechado

Rosalba e José Agripino | ainda juntos na Sinal Fechado

Compartilhe esse conteúdo

Nesta terça-feira (08), a 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) deu início ao julgamento da denúncia contra o senador José Agripino Maia (DEM) e a ex-governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini. O julgamento não fio concluído porque o ministro Gilmar Mendes pediu vistas.

A denúncia feita pela Procuradoria-Geral da República tem como base a Operação Sianl Fechado, deflagrada em 2011.

Segundo a PGR, o senador e a ex-governadora teriam recebido R$ 1,15 milhão em Caixa2 do empresário George Olímpio. Dinheiro seria para garantir a manutenção do Consórcio Inspar como prestador de serviço de inspeção veicular.

Na época, o Ministério Público ofereceu denúncia contra 32 investigados, mas apenas 27 viraram réus.

Para que Agripino e Rosalba se tornem réus falta apenas a aceitação do ministro Gilmar Mendes, já que o ministro-relator Ricardo Lewandowaski já voltou pelo recebimento da denúncia.