Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Depois de anos de trabalho, de centenas de prisões, o Brasil respira os primeiros ventos de Justiça
 Depois de anos de trabalho, de centenas de prisões, o Brasil respira os primeiros ventos de Justiça / Redação

Lava Jato agrada ao Brasil que trabalha e ganha dinheiro honestamente

Qualquer ação que, ao menos, tente desestabilizar ou prejudicar a Operação Lava Jato é favorável à corrupção, ao banditismo, ao assalto aos cofres públicos.

É inadimissível que discursos e atitudes contra o trabalho que tem colocado atrás das grades corruptos e corruptores seja atingido sob a alegação que exageros foram cometidos. Se realmente ocorreram, que sejam apurados e os responsáveis punidos, mas daí a querer inocentar figuras públicas e empresários – principalmente – acostumados a arruinar o país, em troca da manutenção de seus privilégios e riquezas astronômicas -, já é demais.

Depois de anos de trabalho, de centenas de prisões, de bilhões de reais devolvidos à nação, de canalhas até então imbatíveis serem colocados na cadeia, o Brasil respira os primeiros ventos de Justiça. Ainda há muito o que ser feito e as autoridades sérias precisam de apoio da população, dos veículos de comunicação, das empresas, de quem deseja ver a pátria começar a sair do atoleiro promovido por organizações criminosas.

Os frutos da Operação Lava Jato agradam ao Brasil que trabalha, que ganha dinheiro honestamente. Os chamados poderes Executivo, Judiciário e Legislativo, em tantos momentos manchados pelo que revelam as investigações, precisam ser alvo dos olhares atentos de todos aqueles contrários às ações dos homens e mulheres que insistem em se apoderar das riquezas da nação de forma sorrateira, covarde, mesquinha, criminosa.

João Ricardo Correia
Editor