Camara Setorial do Turismo da Fecomércio e Prefeito de Natal se reúnem para discutir melhorias no setor / Foto | Joana Lima

Câmara do Turismo da Fecomércio leva reivindicações para Álvaro Dias

Entre as reivindicações estão melhorias na zeladoria de áreas turísticas da cidade e intervenções urbanísticas

O prefeito Álvaro Dias recebeu hoje um grupo de empresários da Câmara Setorial do Turismo da Fecomércio para discutir algumas reivindicações do setor em Natal. Foto

Também participaram da reunião alguns secretários de áreas fins e algumas reivindicações o prefeito determinou que sejam atendidas pelos secretários, especialmente ações pontuais como melhoria na iluminação de Ponta Negra, mais rigor na limpeza da área e a colocação de fiscais de trânsito para coibir o tráfego de motos no calçadão de Ponta Negra a beira mar.

O prefeito Álvaro Dias também se manifestou favorável a que o proprietário do antigo Hotel Reis Magos possa demolir as ruínas lá existentes e construir um novo empreendimento que gere empregos e melhore a urbanização da área da praia do Meio.
Outras propostas, como a utilização da área non edificant de Ponta Negra com um projeto que preserve a paisagem também receberam o aval do prefeito que determinou à Semurb e Secretaria de Turismo que estudem essa possiblidade, bem como a construção de um calçadão na rua paralela a Roberto Freire entre o Praia Shopping e o Centro de Artesanato e determinou a STTU que se reúna com empresários da área para elaborar um projeto nesse sentido.

Outra boa notícia foi a de que num prazo de 30 dias, a Prefeitura deverá encaminhar para a Câmara Municipal o projeto de regulamentação da ZPA 7, na área da praia do Forte. Ele também falou do projeto de engorda da praia de Ponta Negra e pediu o apoio dos empresários da área para tentar obter os recursos junto ao governo federal para essa obra. “São sugestões importantes e que merecem atenção do poder público pelo que o turismo representa em termos de geração de empregos e renda em Natal, vamos analisar o que pode ser atendido e ver como buscar recursos em outras esferas de governo para outras ações que apenas com recursos próprios não temos como realizar”, diz o prefeito.