No Rio Grande do Norte, a nova unidade atingirá um faturamento de 20 milhões de reais por ano / Foto| Reprodução

Farmacêutica que lançará produto à base de Cannabis quer se instalar no RN

O secretário de desenvolvimento econômico Jaime Calado se reuniu com executivos da Prati Donaduzzi na manhã desta terça-feira (15), por meio de videoconferência,  para tratar da chegada da empresa ao Rio Grande do Norte e discutir os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado. A companhia está entre as maiores do ramo de medicamentos genéricos do país. Durante o encontro virtual, que contou também com a participação do técnico da Secretaria de Tributação, Sérgio Medeiros, os empresários informaram que a Prati irá instalar uma nova unidade de distribuição no município de São Gonçalo do Amarante já no início do próximo ano.

A notícia foi comemorada pelo secretário de desenvolvimento econômico Jaime Calado. “O município de São Gonçalo é, sem dúvida, um dos lugares mais preparados para receber uma empresa deste porte, e o RN, com os novos incentivos implementados na gestão da governadora Professora Fátima Bezerra, demonstra que está no caminho certo”, comentou. 

A Prati está entre as principais fornecedoras de medicamentos genéricos para o setor público em nível federal e conta com 33 unidades instaladas no país. Para viabilizar a unidade de São Gonçalo, a equipe do Governo do Estado apresentou possibilidades de enquadramento nos regimes especiais de tributação para a instalação de Centrais de Distribuição ou para Centrais Atacadistas, este último preferido pelos executivos dentro dos planos da empresa, que incluem o comércio local e interestadual dos produtos.

Com os benefícios apresentados durante a reunião, o executivo Felipe Maziero sinalizou o interesse na instalação de um hub de distribuição para o Nordeste, o que colocaria a unidade do RN em um novo patamar. Para Maziero, o diálogo com o Governo do Estado é decisivo na consolidação do empreendimento. “Estamos muito satisfeitos diante dessa abertura que estão nos dando, abrindo realmente as condições para o empreendedorismo. É algo que faz toda a diferença para a escolha do lugar onde estamos nos instalando”, declarou o executivo.

O empresário informou ainda que a Pradi Donaduzzi tem planos de dobrar o faturamento anual até 2023, ultrapassando os 2 bilhões de reais e introduzindo mais de 600 novos produtos registrados no mercado farmacêutico brasileiro. Entre os lançamentos planejados pela empresa, está o Canabidiol, primeiro produto brasileiro à base de Cannabis autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), com 99% de pureza.

No Rio Grande do Norte, a nova unidade atingirá um faturamento de 20 milhões de reais por ano e irá gerar, no mínimo, 13 empregos diretos. A chegada da empresa ao estado está prevista para o próximo mês de maio.

Fonte: Portal Grande Ponto