Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Fátima Bezerra em reunião com diretores da Vicunha
 Fátima Bezerra em reunião com diretores da Vicunha / ASSECOM/RN

Vicunha apresenta planos para ampliar investimentos no RN

O grupo Vicunha tem planos de ampliar os investimentos no Rio Grande do Norte tanto na área têxtil como no agronegócio. Os detalhes foram apresentados no final da tarde desta terça-feira (16) à governadora Fátima Bezerra pelo presidente Ricardo Steinbruch, que estava acompanhado dos diretores Altamir Martins e Max Aquino.

O plano de expansão prevê a produção de energia a partir da biomassa de algaroba para suprir a necessidade de consumo das fábricas têxteis na Grande Natal. O grupo quer que o governo seja parceiro nesse projeto pioneiro, que utilizará áreas degradadas e em processo de desertificação no interior do Estado. Além disso, há um projeto de reuso de água que será discutido com a Caern.

Na área do agronegócio, a Vicunha quer garantia de que haverá água para aumentar a área de produção de manga no Vale do Açu. Em função da seca e da necessidade de preservar o manancial da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, a vazão foi reduzida pela ANA, a agência federal responsável pelo gerenciamento de águas nos reservatórios públicos brasileiros, para quatro metros cúbicos por segundo.

“A governadora prometeu a eles tratar do assunto com a ANA assim que o inverno deste ano no semiárido chegar ao final. Hoje, o que a agência permite são quatro metros por segundo. A ideia é negociar para chegar a junho com seis e tentar um pouco mais para garantir a produção da Agricultura Familiar, dos pequenos agricultores e das grandes empresas que lá estão instaladas”, disse o secretário de Agricultura, Guilherme Saldanha.

A barragem Armando Ribeiro atingiu nesta terça-feira 748,7 milhões de metros cúbicos de água, o equivalente a 31,2%, maior volume desde 2015. A expectativa é que possa chegar aos 900 milhões este ano, 200 milhões a mais que no ano passado.

“É essa negociação que vamos apresentar a ANA. Além de um volume maior, ainda temos uma expectativa positiva de bons invernos nos próximos. Os meteorologistas dizem que saímos daquele momento ruim. Lembramos a eles, que a transposição de águas do São Francisco também cairá aqui, na Barragem Armando Ribeiro a partir do final de 2019”, ressaltou Saldanha.

A governadora Fátima Bezerra disse que os planos da Vicunha e de outros grupos, de investir no RN, são uma prova de que existe um ambiente favorável aos negócios. “Isso é fruto de um trabalho sério e competente de nosso governo. Estamos trabalhando para melhorar as oportunidades de empregos. No segmento de energia, por exemplo, já temos garantia da instalação de 50 novos parques eólicos até 2023.”

Participaram da reunião, o vice-governador, Antenor Roberto e os secretários Guilherme Saldanha (Agricultura) e Jaime Calado (Desenvolvimento).