Pressione enter para ver os resultados ou esc para cancelar.

Rogério Marinho
 Rogério Marinho, secretário especial de Previdência e Trabalho / Foto | Wilson Dias | Agência Brasil

Rogério Marinho deve renunciar mandato para atuar no Governo Bolsonaro

O nome do deputado Federal pelo Rio Grande do Norte já vinha sendo cogitado para o cargo, o que foi oficializado na edição extraordinária do DOU de sexta (04)

O Diário Oficial da União trouxe, em edição extraordinária na sexta-feira, a nomeação de novos secretários do Governo Federal. Um dos nomes é do Deputado Federal pelo PSDB do Rio Grande do Norte, Rogério Marinho, que assume a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho.

Antes mesmo de assumir a função, Rogério já estava trabalhando na Previdência e nos encaminhamentos da tão esperada reforma. Porém, agora, para atuar de fato e de direito, Rogério precisa renunciar ao mandato, que deve expirar em menos de 1 mês.

O parlamentar já foi orientado a deixar a função de deputado para não acumular com o cargo de importância na estrutura federal. O político tem a confiança do ministro da economia, Paulo Guedes, que o indicou para o cargo devido os seus serviços em favor da reforma trabalhista.

Com a renúncia de Rogério, quem deve assumir a vaga no mandato é o primeiro suplente da coligação União Pela Mudança das eleições de 2014, o líder do PRB no Rio Grande do Norte Abraão Lincoln.